Educação Biblioteca Municipal abre segunda-feira com acesso condicionado e limitadoSaúde “Não custa nada, dá vida e sentimo-nos realizados” Segurança e Proteção Civil Proibição temporária para a realização de queimas e queimadasMobilidade Estacionamento tarifado na via pública retoma a 1 de junhoCOVID-19 Feira de Artesanato e Gastronomia canceladaCultura e Turismo Aniversário da Casa das Artes com 3 espetáculos em casaEconomia Feira de Famalicão retoma atividade plena a 3 de junhoEconomia Câmara vai apoiar pequenas empresas no desenvolvimento de projetos de combate à Covid 19Empreendedorismo e Inovação Grupo Tryba investe 50 milhões e cria 201 novos postos de trabalho em FamalicãoJuventude Ymotion com Open Call até outubroCultura e Turismo Crime e Castigo em Camilo Castelo BrancoCOVID-19 Câmara isenta esplanadas de taxas e permite alargamentoCOVID-19 Câmara divulga lista de empresas famalicenses produtoras de materiais de saúdeCOVID-19 Câmara regista queda acentuada da receita e aumento da despesaEducação Alunos de Famalicão deixam o concelho bem representado no Campeonato HypatiamatJuventude Famalicão cria “Linha J” para apoiar e ajudar os jovensCOVID-19 Câmara reabre alguns equipamentos e espaços de forma condicionada COVID-19 Câmara Municipal dá formação nas escolas para combater Covid-19COVID-19 Famalicão Made IN Talks com segunda ediçãoMobilidade Famalicão com sistema de informação em tempo real para automobilistas e passageiros de autocarrosMobilidade Ponte da Minhoteira vai ser alvo de intervençãoEconomia Câmara atribui selo de qualidade a produtores locaisAção Social Câmara investe 280 mil euros no apoio à rendaMobilidade Transporte público rodoviário em Famalicão reposto com serviços mínimos
O SEU LUGAR

Museu Ferroviário

T: 252 153 646
E: museuferroviario@famalicao.pt

O Núcleo de Lousado é um dos polos que o Museu Nacional Ferroviário possui distribuídos pelo país, dedicados à divulgação e preservação da história ferroviária Portuguesa. Localizado nas imediações da estação ferroviária de Lousado (Vila Nova de Famalicão), no entroncamento da Linha do Minho com a Linha de Guimarães, as suas instalações ocupam a totalidade do antigo complexo oficinal da Companhia Portuguesa de Caminhos de Ferro de Guimarães. A sua criação é o resultado da adaptação de um projeto alternativo à antiga Secção Museológica, aberta ao público em 1979, por iniciativa de um dos principais divulgadores e defensores do património ferroviário nacional, Armando Ginestal Machado. Considerado um dos polos de maior relevância no contexto ferroviário português, a sua coleção é constituída por material circulante na sua grande maioria de via estreita, bem como acervo ferroviário de variadas tipologias: equipamentos de via e obra, bilhética, oficina, entre outros. Merece destaque a mais antiga locomotiva a vapor de via estreita existente em Portugal.
Saiba mais sobre o Museu Ferroviário