Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Segurança e Proteção Civil
Câmara investe meio milhão de euros anuais nos bombeiros do concelho
    23-11-2017
    A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão investe anualmente perto de meio milhão de euros nas corporações de bombeiros do concelho, equipa de sapadores florestais e núcleo da Cruz Vermelha de Ribeirão, através da atribuição de diversos apoios financeiros, fundamentais para a sua gestão. É um esforço que o município faz todos os anos para procurar assegurar respostas de socorro eficazes, permanentes e céleres junto das populações.

    Esta quinta-feira, a autarquia aprovou em reunião do executivo municipal a atribuição da última parcela do subsídio anual de 90 mil euros a cada uma das três corporações e de 42 mil euros ao Núcleo da Cruz Vermelha de Ribeirão. Para além disso foram ainda atribuídos os últimos apoios do ano 2017 às equipas de intervenção permanente dos bombeiros, num investimento superior a 32 mil euros a cada corporação.

    “São apoios fundamentais que contribuem não só para o equilíbrio dos orçamentos das corporações de bombeiros, mas também que ajudam na hora de fazer uma correta programação dos seus investimentos”, explica a propósito o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, acrescentando que a atribuição destes subsídios “concretiza o reconhecimento da sociedade civil pelos serviços prestados pelos bombeiros voluntários, seja no transporte de doentes, na prevenção e combate a incêndios ou no socorro de feridos, tendo sempre como lema e missão a proteção de vidas humanas”.

    No que diz respeito ao funcionamento das Equipas de Intervenção Permanente, o autarca lembra o objetivo com que foram criadas “de assegurar, em permanência, o socorro às populações”. Neste caso, a autarquia financia em 50 por cento os vencimentos das equipas. Os outros 50 por cento são assegurados pela Autoridade Nacional da Proteção Civil.

    Para além destes apoios, durante o ano de 2017, a autarquia transferiu ainda uma verba de 40 mil euros para a equipa de sapadores florestais, tendo assegurado também os seguros de acidentes pessoais dos bombeiros voluntários assim como a alimentação.

    De resto, a autarquia orgulha-se de desenvolver uma política de proximidade com todas as corporações de bombeiros do concelho, bem evidente na criação do pelouro do voluntariado e na publicação do regulamento municipal de incentivos aos bombeiros voluntários.

    Em 2016, a autarquia famalicense foi mesmo reconhecida a nível nacional pelo desenvolvimento de políticas de apoio à proteção civil com a atribuição da Menção Honrosa do Prémio Bombeiro de Mérito atribuído pela Liga dos Bombeiros Portugueses.
    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
1852 leituras
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2017 | handmade by brainhouse