Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Educação e Cultura e Turismo
Teatro amador GRECULEME celebra 25 anos no palco da Casa das Artes
    28-10-2019
    No próximo sábado, dia 2 de novembro, pelas 21h30, sobe ao palco da Casa das Artes a peça de teatro “Maldição de Mãe”. Um espetáculo que serve de comemoração dos 25 anos de atividade do Grupo Recreativo e Cultural de Lemenhe - GRECULEME, que se dedica ao teatro amador. A entrada para o espetáculo é gratuita, mas sujeita a reserva prévia de bilhetes.

    A peça “Maldição de mãe” é um drama em 3 atos, de Isabel Martins. A tempestade de sonho de um melhor futuro é, afinal, um ensaio à ilusão: a de que, a cidade, confere vida folgada, quando na verdade, é um percurso de maldição, que apenas se desfaz pela alquimia de criaturas que não permitem que o amor umbilical se desfaça na espuma das marés. A Maldição de mãe reescreve sentimentos num mergulho prolongado de revisitação da parábola do Filho Pródigo, desta feita revestindo-a de uma roupagem feminina e num ambiente marítimo.

    Em conferência de imprensa, o vereador elogiou o facto de o GRECULEME ter aproveitado o momento dos seus 25 anos institucionais para dar formação aos seus membros. Esta formação está em curso há alguns meses e envolve a parceria da Escola de Teatro ACE, através do ator Jorge Pinto (interpretação e encenação) e a atriz Emília Silvestre (voz e encenação), duas referências notáveis no panorama do teatro em Portugal.

    “A parceria com a ACE é um bom exemplo que se quer mostrar ao meio artístico e uma forma de levar a que a população tenha um maior contacto com esse meio e também formação artística”, disse Leonel Rocha na conferência de imprensa que decorreu em cima do palco do grande auditório. “É desta forma que percebemos como os frutos aparecem e como, com este exemplo do GRECULEME já estamos a colher frutos”, acrescentou.


    O presidente do GRECULEME mostrou-se comovido com tudo o que tem envolvido a preparação da “Maldição de Mãe” no próximo sábado. Joaquim Carvalho, mais conhecido por Juca, espera que muitas pessoas compareçam na Casa das Artes e que vejam o resultado de uma parceria que enriqueceu os membros do grupo de teatro e que envolveu a escola ACE, a Casa das Artes e o Município de Vila Nova de Famalicão. “Maldição de Mãe” foi a primeira peça levada a cena pelo GRECULEME há cerca de 25 anos.

    2 novembro
    Casa das Artes de Famalicão
    21h30 – Grande Auditório

    Revisitação de 25 anos
    Maldição de mãe - Drama em 3 atos, de Isabel Martins
    SINOPSE:
    A tempestade de sonho de um melhor futuro é, afinal, um ensaio à ilusão: a de que, a cidade, confere vida folgada, quando na verdade, é um percurso de maldição, que apenas se desfaz pela alquimia de criaturas que não permitem que o amor umbilical se desfaça na espuma das marés.
    A Maldição de mãe reescreve sentimentos num mergulho prolongado de revisitação da parábola do Filho Pródigo, desta feita revestindo-a de uma roupagem feminina e num ambiente marítimo.

    FICHA TÉCNICA:
    Texto: Isabel Martins
    Dramaturgia e encenação: Juca
    Apoio interpretação: Jorge Pinto e Emília Silvestre.
    Interpretação: Ana Clara Sousa, Ana João Carvalho, Bárbara Freitas, Beatriz Carvalho, Susana Barbosa, Cidália Araújo, Daniela Espadilha, Daniela Faria, Inês Campos, Julieta Oliveira, Leonor Carvalho.
    Figurinos: Aida Costa.
    Caracterização: Linda Faria, Tecas Campos.
    Cartaz: Theresa Campos
    Fotografia: Theresa Campos
    Videografia: Tiago Faria
    Direção de cena: Carlos Ferreira - Greculeme
    Técnico Som: Luís Araújo - Casa das Artes
    Técnico Luz: Nuno Loureiro - Casa das Artes
    Técnico Palco: Emanuel Morais - Casa das Artes
    Comunicação: Álvaro Magalhães - Casa das Artes | Cidália Araújo - Greculeme
    Produção Greculeme: Cidália Araújo
    Produção Casa das Artes: Marta Couto
    Apoio à Produção: Pedro Barbosa, ACE Famalicão.

    Parceria
    ACE Famalicão - ACE Escola de Artes
    Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão

    Apoios:
    CEVE - Cooperativa Elétrica Vale D'Este – crl.
    ENIF - Comunicação. Publicidade.
    Louropel - Fábrica de Botões Louropel, Lda.
    Dom Villas - Queijos com Tradição – Lactilouro.
    Dar Ideias - Publicidade I Impressão digital.


    Agradecimento Especial
    Ator Jorge Pinto e Atriz Emília Silvestre
    Álvaro Santos - Casa das Artes
    Helena Machado- ACE
    Alberto Gomes - ENIF
    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
564 leituras
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2019 | handmade by brainhouse