Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Educação
Dispositivo que previne o furto de automóveis vence “O Meu Projeto é Empreendedor”
    24-10-2016
    Um mecanismo antifurto de automóveis é o grande vencedor da quinta edição do concurso “O Meu Projeto é Empreendedor” dirigido aos alunos finalistas do Ensino Profissional em Vila Nova de Famalicão. A ideia foi desenvolvida por José Miguel Santos, da Didáxis de Riba de Ave, e destacou-se entre os dez projetos selecionados de um total de 26 Provas de Aptidão Profissional que este ano se apresentaram a esta iniciativa promovida pela Rede Famalicão Empreende, com o apoio da Câmara Municipal.

    José Miguel Santos, finalista do Curso Profissional de Técnico de Eletrónica, Automação e Computadores, concebeu um dispositivo que deteta o movimento e a vibração do automóvel ou até o levantamento para furto das jantes, ao qual deu o nome de “PMC – Protect My Car”.

    Em segundo lugar ficou o projeto “Sentinela” de Pedro Ribeiro, aluno do Curso Técnico de Eletrónica, Automação e Comando da Escola Profissional CIOR, que criou um dispositivo que mede vários parâmetros do ar nas habitações e alerta o proprietário por e-mail ou através de aplicação móvel. E em terceiro o projeto de Alexandre Moita e Ricardo Campos, alunos do curso Técnico de Turismo Ambiental e Rural da Escola Secundária D. Sancho I, designado “Por um Futuro Cultural”. Menção honrosa ainda para o projeto “Máquina Trituradora de Garrafas de Vidro” da FORAVE.

    Todos preenchem necessidades reais do mercado, principal critério de avaliação por parte dos elementos do júri, pelo que têm potencial de serem desenvolvidos por empresas da região, tal como sucedeu com os projetos vencedores das edições anteriores.

    Os vencedores desta edição foram conhecidos na passada sexta-feira, 21 de outubro, numa sessão que decorreu no Centro Cívico de Famalicão e que, para além da comunidade educativa, contou com as presenças do Vereador da Educação e do Empreendedorismo, Leonel Rocha, e de representantes das três entidades patrocinadoras: a Louropel – Fábrica de Botões, a CEVE – Cooperativa Eléctrica do Vale d’Este e a ACIF – Associação Comercial e Industrial de Famalicão.

    Leonel Rocha felicitou todos os alunos envolvidos nesta edição e assinalou que “este concurso é inspirador do empreendedorismo” e “um palco único onde os alunos do ensino profissional mostram o que valem”.

    Os três primeiros classificados receberam 1.000, 500 e 250 euros atribuídos, respetivamente, pela Louropel, CEVE e ACIF, parceiras deste processo de promoção do empreendedorismo nas escolas, demonstrando assim aos alunos que são importantes para as empresas.
    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
1146 leituras
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2019 | handmade by brainhouse