Pesquisar
 
 
 
 
Caminhada Concelhia
Alterar tamanho do texto
Percurso PR4

7 de outubro de 2017 |14h30
Gondifelos | Cavalões | Outiz | Gondifelos

Com o ponto de partida e chegada, localizado junto à igreja matriz de Gondifelos, o percurso 4 da caminhada concelhia desenvolve-se na União de Freguesias de Gondifelos, Cavalões e Outiz, com uma breve incursão por terras de Balazar, numa extensão de 15 quilómetros. Trata-se de um trajeto relativamente fácil, mas bastante árido, traçado num substrato marcado por xistos e grauvaques e, na sua parte final, em granitos calco-alcalinos bem como, alguns depósitos fluviais. O ponto mais baixo do nosso percurso atinge-se junto ao rio Este, na Rua dos Fiães, com a cota de 46m de altitude e o ponto mais alto, junto à pista de Motocross da Telheira, com 205m.
Grande parte da superfície florestal visitada encontra-se coberta por eucaliptos e pinheiro bravo pontuada, ocasionalmente, por tufos de castanheiros, carvalhos alvarinho e, nas áreas mais húmidas, alguns amieiros. Em sub-bosque os fetos propagam-se abundantemente, entrecortados por tojo e codessos; a urze e a carqueja vão surgindo, nas zonas mais rochosas, e relembram o cariz ácido do solo calcorreado. No vale, os campos forrageiros cobrem-se de tons verdejantes delimitando-os o casario e a paleta outonal do enforcado.
E assim, saindo da Igreja de Gondifelos desce-se a rua das Oliveiras, cruza-se a Nacional nº 206 e, descendo a rua Francisco Alves de Oliveira, acede-se à Ciclovia onde, tomando a direita se segue até ao lugar de Almorode. Pelo caminho não faltam os auxiliares de memória reavivando o tempo em que a Póvoa ficava a meia dúzia de carris! Transpondo as escadas, em Almorode, abandona-se a Ciclovia tomando-se a rua de Almorode, que se sobe, até à rua do Carregal. A vista sobre o vale e a Igreja é digna de registo, mas a viagem ainda mal começou. Há que subir a rua Fonte do Chão, no entroncamento, e 275m adiante, virar à esquerda para um caminho de terra batida, ladeado de muros e vegetação, que nos conduz, em descida, à rua do Outeiro e à dos Fiães que se segue para a esquerda. Transposta a ponte sobre o Este vira-se para a rua do Castro de Penices que, bordejada pelo rio e pelo penedio, nos conduz ao lugar da Mocha.
Tomando-se a Azinhaga da Moucha acede-se ao Castro de Penices, testemunho dos povos que por ali viveram há mais de 2000 anos, segue-se depois para sudeste, campos fora, por um caminho de terra batida, até uma pequena urbanização. Onde se ingressa num bosque misto serpenteado por um caminho de terra batida que conduz ao monte de Anta de Cavalões, por entre a cortina verde, nas áreas viradas a oeste, vislumbra-se o vale de Balazar e o mar delineado pelos montes, nas áreas viradas a norte, a riqueza do vale do Este com o seu casario, os seus regatos e foragem verdejante.
A saída e descida do monte faz-se pela orla virada a norte até às terras de Gemunde onde, junto à igreja de Outiz se inicia a inflexão do percurso. Deste lugar, depois de transpor a rua da Fonte e parte da rua da Nossa Senhora da Guia, segue-se por um carreiro, junto ao Lar Jorge Reis, até à travessa do Outeiro e à rua de Varziela apanhando-se novamente a Ciclovia. Os últimos 4 quilómetros do percurso são realizados na Ciclovia, em terreno plano, desfrutando a paisagem do vale e dos meandros do rio Este.




Gabinete do Desporto

Rua Direita
4760-134 Vila Nova de Famalicão
Tel.: 252 320954 | Fax: 252 377110
E-mail: desporto@vilanovadefamalicao.org


Ficha de inscrição

Nome *
Nome da Associação ou Agrupamento
E-mail *
Freguesia *
Contato Telefónico
Data Nascimento *
(dd-mm-aaaa)
* Campos de preenchimento obrigatório
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2017 | handmade by brainhouse