Atualidade
Homenagem à primeira vereação republicana. Crianças recordaram Senador Sousa Fernandes
29-09-2011
Armindo Costa salientou presença das crianças nas comemorações
Foi com a lição bem estudada e as vozes afinadas que as crianças da Escola Básica n.º 3 de Mões, em Vila Nova de Famalicão, prestaram, esta terça-feira, homenagem ao Senador Joaquim José de Sousa Fernandes, Presidente da Comissão Administrativa Municipal da I República, que ali viveu. Do 1.º ao 4.º ano, todas as crianças demonstraram conhecer bem Sousa Fernandes e a sua importância para o desenvolvimento do concelho. “Foi presidente da Câmara Municipal, escritor e jornalista e viveu nesta casa”, afirmaram quase em coro Jennifer e Ema, duas alunas do 4.º ano da Escola Básica de Mões. Por sua vez, Guilherme, também aluno do 4.º ano, leu uma carta onde afirmava Sousa Fernandes, como “um grande republicano” e “uma personalidade notável”. Depois de colocada a placa que assinalou a casa como património histórico do concelho, as crianças entoaram o hino nacional.

Foi desta forma, que Vila Nova de Famalicão iniciou as comemorações da Implantação da República, que se assinala esta quarta-feira, dia 5 de Outubro. A antiga residência do Senador Sousa Fernandes foi uma das 12 habitações de republicanos que foram assinaladas com as placas comemorativas. O momento carregado de simbolismo contou com a presença do presidente da Câmara Municipal, Armindo Costa, e de vários familiares dos republicanos homenageados.

Para Artur Sá da Costa, coordenador da Rede Municipal de Museus, “é comum afirmar-se que a revolução do 5 de Outubro teve como epicentro a capital do país e chegou à província por telégrafo, no entanto, com esta cerimónia pretendemos chamar a atenção para a existência, em Famalicão, de um grupo de homens, que há muito tempo, estavam preparados para receber a República”. “Com esta cerimónia, estamos, por isso, a reescrever a história”, assinalou. Por sua vez, Armindo Costa, congratulou-se com a presença das crianças na cerimónia. “É importante envolver os mais novos nestas comemorações, transmitindo-lhes os valores e os ideais que levaram à implantação da República”, afirmou. O autarca disse ainda que “a homenagem pretende evocar os republicanos famalicenses que se destacaram neste período histórico, lutando com coerência e convicção pelos ideais republicanos e pelo desenvolvimento do concelho”. E acrescentou: “Visa-se também inscrever no espaço público os seus nomes, resgatando-os do esquecimento, valorizando simultaneamente o património cultural, no caso, as residências destas personalidades, que à distância de um século constituem referências históricas e marcas da identidade Famalicense.”

Depois de assinalada a antiga residência de Sousa Fernandes, a comitiva seguiu para o centro da cidade, onde foram identificadas as habitações de Zeferino Bernardes Pereira, Amadeu Pereira, Manuel Pinto de Sousa, Alfredo Costa e as casas do antigo presidente da República, Bernardino Machado. Foram ainda assinaladas as casas de Domingos Lopes Alves da Silva, em Brufe, Francisco Maria Oliveira e Silva, em Famalicão, e a casa do antigo Ministro do Comércio e das Comunicações na I República, Nuno Simões.

Entre os vários familiares dos republicanos, estava a neta do vereador Alfredo Costa, Maria Flora Costa Guimarães, que considerou “a homenagem justíssima”. “Convivi muito com o meu avô, era um homem muito interessante, muito culto e viajado, que incutia o gosto pela leitura e pelos ideais republicanos”, assinalou.



“BERNARDINO MACHADO E A I REPÚBLICA”

Entretanto, no feriado de 5 de Outubro, quarta-feira, o Museu Bernardino Machado, celebra a implantação da República com o lançamento do catálogo da exposição “Bernardino Machado e a I República”, a partir das 16h00. O livro que pretende divulgar a vida, a obra e o pensamento de Bernardino Machado está dividido nos seguintes temas: A Liberdade é Tudo; Revolta Académica; Regicídio; Contra o Franquismo; Contra os Governos Clericais e Liberticidas de D. Manuel II; Ministro dos Negócios Estrangeiros; Ministro de Portugal no Brasil; Chefe do V Governo Constitucional; Contra a Ditadura de Pimenta de Castro; Presidência da República (1915-1917); Contra o Sidonismo; Chefe do Governo (1921); Contra as Ditaduras Provisórias; Presidente da República (1925-1926).

COMEMORAÇÕES DO CENTENÁRIO DA 1ª REPÚBLICA
PROGRAMA DE ENCERRAMENTO

Dia 4 de Outubro
11h00 – Colocação de uma placa evocativa de Joaquim José Sousa Fernandes, Presidente da Comissão Administrativa Municipal (1910 e 1913), naquela que foi a sua residência, a anual Escola Básica n.º 3 de Vila Nova de Famalicão.
Serão, também, colocadas placas nas antigas casas dos Vereadores da 1ª Vereação Republicana, que integraram a Câmara Municipal entre 1910 e 1913, bem como nas casas do Ex-Presidente da República, Bernardino Machado, e do Ministro do Comércio e das Comunicações, Nuno Simões.
1.    Casa do Senador Joaquim José Sousa Fernandes, na atual Escola Básica n.º 3 de Vila Nova de Famalicão
Presidente da Comissão Administrativa Municipal
Deputado Constituinte e Senador da República
2.    Casa do Senador Joaquim José Sousa Fernandes, na Rua Adriano Pinto Basto
Presidente da Comissão Administrativa Municipal
Deputado Constituinte e Senador da República
3.    Casa de Zeferino Bernardes Pereira, na Rua Adriano Pinto Basto / Narciso Ferreira
Membro da Comissão Administrativa Municipal
Presidente da Câmara Municipal em 1914
4.    Casa de Domingos Lopes Alves da Silva, em Sistães - Brufe
Membro da Comissão Administrativa Municipal, Vereador eleito em 1914
5.    Casa de Francisco Maria Oliveira e Silva, em Louredo - Calendário
Diretor do jornal “A Desafronta”
Membro da Comissão Administrativa Municipal, Administrador do Concelho
6.    Casa de Amadeu Pereira, proprietário e gerente do Centro Industrial do Minho / Centro Gráfico, atual Tipografia
Membro da Comissão Administrativa Municipal
7.    Casa de Manuel Pinto de Sousa, proprietário e gerente da Tipografia Minerva
Fundador e diretor do “Estrela do Minho”
Membro da Comissão Administrativa Municipal
8.    Casa de Alfredo Costa, proprietário da casa na Rua Adriano Pinto Basto, antiga Cruzarte, atual “Grande Angular”
Membro da Comissão Administrativa Municipal
Tesoureiro da Câmara Municipal
Casas de Bernardino Machado
1.    Casa dos Machados, na Praça D. Maria II
Propriedade e residência do 1º Barão de Joane, onde seu filho, Bernardino Machado, passou a juventude e Camilo Castelo Branco os visitou.
2.    Casa de Rorigo, em Calendário
Propriedade do 2º Barão de Joane e de Bernardino Machado, onde ambos residiram, como os filhos do ex-Presidente da República, António Machado e Miguel Machado, e alguns dos netos e bisnetos.
3.    Casa da Cividade, em Joane
Casa dos pais de Bernardino Machado, onde este viveu a infância.

Casa de Nuno Simões
Calendário
Ministro do Comércio e Comunicações na I República

Dia 5 de Outubro
16h00 - Apresentação pública do Catálogo da Exposição Bernardino Machado e a I República
Local: Museu Bernardino Machado